: Globo de Ouro 2015 - Filmes Premiados

No dia 11 de janeiro de 2015, foram anunciados os vencedores do Globo de Ouro. Muitos dizem que este prêmio é uma prévia do Oscar (que será anunciado no dia 22 de fevereiro), porém, pelo que pesquisei não deve haver nenhuma influência, uma vez que a votação do Oscar teoricamente se encerrou na semana passada, antes dos jurados saberem os ganhadores do Globo de Ouro. É assim todo ano, mas não é incomum haver coincidências entre os dois prêmios. Como não assisti nenhum dos seriados de TV e só assisti a alguns poucos dos filmes premiados, me limitarei a comentar sobre o que vi e sobre os prêmios que tais filmes ganharam, ou foram indicados.

Pela ordem em que os prêmios foram entregues ontem, começarei com o prêmio de melhor ator coadjuvante. Quando escrevi sobre o filme Whiplash, comentei sobre a incrível atuação de J.K.Simmons e ele levou o prêmio. Merecidíssimo. Assisti Boyhood e Birdman e concordo com as indicações de Ethan Hawke e Edward Norton (respectivamente). Li que Mark Ruffalo está excelente em Foxcatcher, mas não assisti, assim como não assisti O Juiz, para ver Robert Duvall, o quinto indicado. Mas certamente o prêmio está em ótimos mãos, entando com J.K.Simmons. O filme vale a pena e ele está ótimo.

Depois de uma série de prêmio sobre os quais não opinarei por se tratarem de prêmios para TV, passamos pela trilha sonora. Dos indicados, só assisti Birdman e adorei a trilha, cheia de bateria e muito sutil, mas quem levou A Teoria de Tudo. Depois, veio o prêmio de canção original, sobre o qual também não tenho nada a dizer. Quem levou foi Glory, do filme Selma.

Mais um prêmio para TV e chegamos a melhor atriz coadjuvante, que foi entregue a Patricia Arquette, por sua atuação em Boyhood. Não posso falar muito sobre as outras indicadas, pois, além de Boyhood, só assisti Birdman, que tinha Emma Stone indicada. Não achei que Patricia está brilhante, mas está bem. Comentei sobre isso quando escrevi sobre Boyhood.

Próximo prêmio, melhor atriz para comédia ou musical, foi entrega a Amy Adams, por Grandes Olhos. Não assisti nenhum dos outros filmes com indicadas, mas Amy está excelente, como comentei, quando escrevi sobre o filme. Para os que ainda tem algum preconceito com a garota de Encantada, achando que é mais uma cantora bonitinha querendo ser atriz, esse já é o terceiro ou quarto filme seguidos que assisto com ela nos quais ela arrebenta. Posso afirmar que ela é ótima atriz.

Ainda não assisti nenhum dos filmes de animação indicados. O vencedor foi Como Treinar Seu Dragão 2. Depois veio o prêmio de melhor roteiro que merecidamente foi entregue a Alejandro González Iñárritu, por Birdman. Ainda não escrevi sobre o filme, o qual achei um pouco pretencioso, mas o roteiro é ótimo e creio que valeu o prêmio.

Não assisti nenhum dos filmes estrangeiros indicados. O vencedor foi o russo Leviatã. Depois mais prêmios para seriados de TV e chegamos ao prêmio de melhor diretor, entregue a Richard Linklater, por Boyhood. Creio que o prêmio seja mais pela idéia original do que pela direção propriamente dita.

Prêmio seguinte, melhor ator para comédia ou musical, merecedimente entregue a Michael Keaton, que está excelente em Birdman, sendo provavelmente o que há de melhor no filme. Christoph Waltz (Grandes Olhos) e Ralph Fiennes (O Grande Hotel Budapeste) também estão ótimos, mas Keaton está acima e mereceu.

Chegamos ao prêmio de melhor filme musical ou comédia, o qual foi entregue a O Grande Hotel Budapeste. Aqui é onde disseram que houve a maior surpresa, pois todos esperavam que Birdman fosse levar. Eu discordo. Assisti os dois filmes e acho que O Grande Hotel Budapeste é mais filme que Birdman.

Próximos dois prêmios, melhor atriz e melhor ator para drama eu não comentarei, pois não assisti nenhum dos filmes indicados. Juliane Moore (Still Alice) e Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo) foram os premiados.

Por fim, tivemos Boyhood premiado como melhor filme - drama. Pelo que tenho lido, não me surpreendeu, mas pelo que vi na tela, sim. Como já falei, quando escrevi sobre ele, o filme é bom, é inovador, mas não achei tudo isso. De qualquer forma, foi o ganhador e chega como favorito ao Oscar. 

Beijos e salve a pipoca!

Comentários


  • Quem somos

    A @Energy é uma Agência de Comunicação Digital, com foco na produção e criação de conteúdo e ferramentas multimídia sobre conceito Web 2.0.

    Formada por uma equipe de profissionais contemporâneos, comprometidos, preparados para transformar a comunicação de sua empresa em uma solução eficiente, ágil, que comunique de forma clara, em tempo real através de sites, redes sociais e mídias convencionais, para que os objetivos da organização sejam alcançados, criando e mantendo uma imagem positiva junto ao público-alvo e a opinião pública.

  • MAPA DO SITE

  • Agência A ENERGY comunicação digital.

    • Avenida Leopoldo Zarling, Nº 136, Galeria Raio de Sol, Sala 18, Bairro Bombas.

    • Bombinhas - SC

    • contato@aenergy.com.br

    • (47) 9673.9711

    • (47) 3264.6685
    • (47) 9224.5252 WhatsApp



  • Equipe

    • Deivid Couto - deivid@aenergy.com.br